Destaque

Dia Mundial da Visão: 8 de outubro de 2009

A cada cinco segundos uma pessoa fica cega no mundo e uma criança a cada minuto.
Brasil tem  1,1 milhão de cegos e cerca de 4 milhões de deficientes visuais.
75% da cegueira no mundo resulta de causas previsíveis e/ou tratáveis.

Campanhas de Prevenção do Glaucoma (maior causa de cegueirra irreversível no Brasil e no mundo), como esta da Sociedade Brasileira de Oftalmologia com a Ação Global, ajudam à detecção do problema e conscientizam a população para os riscos da doença

Em 8 de outubro comemora-se o Dia Mundial da Visão, que em 2009 tem como tema principal “Gênero e Saúde dos Olhos: Acesso Igual à Visão”. A comemoração envolverá milhares de pessoas ligadas à saúde ocular em todo o mundo e tem o objetivo de conscientizar a sociedade para a problemática da cegueira e das ações realizadas para promover a sua prevenção e a reabilitação das pessoas afetadas pela deficiência visual, passíveis de serem submetidas a tratamentos para recuperar plenamente o sentido da visão.

Este ano, além deste objetivo, também há o propósito de discutir sobre as diferenças no acesso aos cuidados visuais que ainda persistem entre homens e mulheres e sobre a necessidade de reduzi-las. Embora no Brasil não existam diferenças no acesso aos cuidados visuais entre homens e mulheres, como em muitos países asiáticos e africanos, as estatísticas sobre os problemas da visão são preocupantes.

Com mais de 190 milhões de habitantes- quase 3% da população mundial, estima-se a existência de 1,1 milhão de cegos ( em torno de 0,6% da população) e cerca de 4 milhões de deficientes visuais sérios. A principal causa de cegueira evitável ou curável no Brasil, e na América Latina em geral, é a catarata (opacificação do cristalino, a lente natural do olho). Ela afeta principalmente a população com mais de 60 anos, mas é curável cirurgicamente.

No Brasil são realizadas aproximadamente 280 mil cirurgias de catarata através do SUS, e entre 80 e 100 mil através de convênios e médicos particulares. No entanto, este número deveria ser, pelo menos, 50% maior para acompanhar o crescimento vegetativo da população alvo: estima-se que surjam 552 mil casos novos da doença todos os anos.
   
A Sociedade Brasileira de Oftalmologia que, estatutariamente, tem entre seus objetivos a preservação da saúde ocular da população brasileira, participa do Dia Mundial da Visão através da divulgação de informações no seu site (www.sboportal.org.br ) e colocando diretores da entidade à disposição da mídia para informar sobre os principais problemas da visão.

Giovanni Colombini, chefe do Serviço de Oftalmologia do Hospital Gaffrée e Guinle, atendendo paciente numa das campanhas periódicas promovidas pela Sociedade

Principais causas da cegueira

Segundo o presidente da Sociedade Brasileira de Oftalmologia, Mário Motta, na infância, as principais causas da cegueira  são as infecções congênitas, a catarata, a retinopatia da prematuridade e o glaucoma congênito, sendo que as três últimas têm tratamento. As infecções congênitas  devem, preferencialmente, ser detectadas ainda durante a gravidez.

- Entre adolescentes e adultos jovens, os acidentes de trânsito, acidentes em atividades esportivas e no ambiente de trabalho podem ser evitados com cuidados simples e uso de óculos de proteção.

- Nos adultos, a detecção precoce de glaucoma ( cerca de 900 mil glaucomatosos no Brasil, mas o número pode ser maior por falta de controle público da doença), principal causa de cegueira irreversível, é fundamental, e só é possível através do exame oftalmológico regular. A catarata tem prevalência muito elevada, acima dos 60 anos, assim como a degeneração macular (DRMI)- Degeneração Macular Relacionada à Idade), e devem ser monitoradas com frequência.

- No diabético, tanto do tipo I qunto do tipo II, a cegueira por retinopatia diabética pode ser evitada com o tratamento precoce com laser, antiangiogênicos e cirurgias, sem esquecermos da importância do controle clíncio-metabólico.

Uso de óculos

O presidente da Sociedade Brasileira de Oftalmologia alerta ainda para os cuidados com as crianças em idade escolar. “A falta de óculos não leva à cegueira,  mas prejudica o rendimento escolar, contribui para o desinteresse da criança no seu dia a dia, além de ser fator excludente socialmente”.
    
- Os problemas refrativos ou ametropias: miopia, astigmatismo, hipermetropia e presbiopia (vista cansada, esta uma característica do envelhecimento, ocorre a partir dos 40 anos) são curáveis com óculos ou lentes. A prevalência da miopia varia de 11 a 36% da população brasileira, a hipermetropia, 34%. Com cerca de 20 milhões de idosos ( acima de 60 anos), cerca de 26% da população sofre de presbiopia, já que ela surge na faixa dos 40 anos.

A consulta oftalmológica periódica permite a detecção e prevenção de inúmeros problemas oculares. Quem tem histórico familiar de alguma doença ocular deve fazer consultas mais frequentes

Cegueira no mundo

Pesquisas realizadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) no final do século passado indicaram que em 2000 teríamos cerca de 45 milhões de pessoas cegas no mundo e o triplo com baixa visão, isto é, incapazes de desempenhar grande número de tarefas cotidianas devido à deficiência visual.

Os mesmos cálculos indicaram que, se iniciativas de alcance mundial e regional não forem tomadas, em 2020 existirão no mundo 75 milhões de pessoas cegas e mais de 225 milhões de portadores de baixa visão.

Importante: 90% dessas pessoas cegas e portadoras de baixa visão são habitantes dos países subdesenvolvidos ou em desenvolvimento. No entanto, entre 60 e 75% desses casos de cegueira e baixa visão são evitáveis e/ou curáveis.

O que é o Dia Mundial da Visão

Instituído em 2000, o Dia Mundial da Visão tem como objetivo primordial eliminar a cegueira por causas evitáveis no mundo até o ano de 2020. A iniciativa é coordenada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e pela Agência Internacional para a Prevenção da Cegueira (IAPB- International Agency for Prevention of Blindness) e conta com o apoio de entidades internacionais, instituições de atenção oftalmológica, organizações não governamentais (ONGs) e corporações em todo o mundo.

O Dia Mundial da Visão é celebrado anualmente na segunda quinta-feira do mês de outubro e originalmente foi lançado pela Fundação Internacional dos Lions Clubes em 1998.

O Dia Mundial da Visão chama atenção para o problema da cegueira global: - “ a cada cinco segundos uma pessoa fica cega no nosso mundo, e uma criança fica cega a cada minuto”. O custo econômico da cegueira no mundo é estimado em US$ 28 bilhões por ano.

A prevenção é o melhor remédio. Visite periodicamente o oftalmologista. Só ele pode detectar, diagnosticar e evitar problemas futuros de visão.



Copyright 2008. Todos os direitos reservados a SBO - Sociedade Brasileira de Oftalmologia

Desenvolvimento WGS Informática